Meningioma  de  grande  asa  esquerda do esfenóide,
com  intensa  hiperostose, acompanhado por 17 anos
..
Masc.  Meningioma em placa clássico da grande asa do esfenóide, com crescimento extremamente lento e grande esclerose óssea, seguido de 1986 a 2003 (dos 61 aos 77 anos). 
Queixa inicial:  alterações visuais no OE e aumento do volume orbitário. Operado pela 1ª vez em novembro de 1989.  Realizada exploração periorbitária E, com diagnóstico anátomo-patológico de meningioma meningotelial com infiltração óssea e hiperostose. 
TC de 15/10/90 -  mostrando grande esclerose óssea e aumento de volume da grande asa do esfenóide E, com mínima impregnação. O tumor preenchia parcialmente a órbita. Lacuna cirúrgica do teto da órbita E. 
Recidiva em 1992, reoperado. 
TC de 20/10/94 mesmo aspecto, persistindo esclerose óssea.  Crescimento muito lento do tumor, enchendo a fossa média. Janela óssea mostra infiltração com hiperostose. 
TC de 9/4/97, aspecto inalterado. EF proptose do olho E, ptose palpebral E, acuidade visual no OE 50%.
RM de 3/2/1999, recidiva, antes de outra cirurgia. Placa tumoral no polo temporal E, muito impregnada, e osso esclerótico, menos impregnado. 
RMs de 13/12/2001 e 23/10/2003 (não demonstradas). Não parece haver tumor residual, indicando bom resultado cirúrgico. 
..
 
RADIOGRAFIAS  SIMPLES  DE  CRÂNIO PRÉ-OPERATÓRIAS, 20/10/1986
..
..
TOMOGRAFIA  COMPUTADORIZADA, 15/10/1990
..
Axial, com contraste, partes moles. O tumor infiltra a grande asa E do esfenóide, causando grande espessamento ósseo (hiperostose) da mesma e de porções dos ossos adjacentes (osso zigomático e porção escamosa do temporal). Em conseqüência, há abaulamento da parede lateral da órbita para dentro e redução da cavidade orbitária E, com estiramento do músculo reto lateral e deslocamento para fora do globo ocular (proptose).  A fossa craniana média E encontra-se também diminuída. 
..
..
Sem contraste  Com contraste 
Não se observam diferenças significativas. 
..
Com contraste
Partes moles Janela óssea
 
Com janela óssea observa-se a textura extremamente densa do osso infiltrado, em comparação com os ossos do lado normal, onde é possível diferenciar entre cortical e medular. 
..
Coronal, com contraste, partes moles.  A lesão nos cortes coronais aparece invertida em relação aos cortes axiais, ou seja, o tumor é do lado esquerdo do paciente e é visto à esquerda do observador. Parte do teto da órbita E fora removido na cirurgia de 1989. A grande hiperostose devida ao meningioma deforma e reduz a cavidade orbitária E. 
..
Janela óssea
..
..
Comparação
Partes moles Janela óssea
..
TOMOGRAFIA  COMPUTADORIZADA, 20/10/1994
..
Axial, com contraste, janela óssea. Praticamente sem alterações em relação ao exame anterior. 
..
TOMOGRAFIA  COMPUTADORIZADA, 9/4/1997
..
Axial, com contraste, janela óssea.  Na janela óssea mantém-se o aspecto dos exames anteriores.  No exame para partes moles, houve alteração  (abaixo). 
..
COMPARAÇÃO  DE  DUAS  DATAS
Axial, com contraste, janela óssea. 
Praticamente não se nota alteração, testemunhando o crescimento extremamente lento do tumor. 
1990 1997
..
Axial, com contraste, partes moles. Na janela para partes moles, nota-se nódulo impregnado por contraste, implantado na face posterior da grande asa do esfenóide, projetando-se para a fossa média E, e que pode corresponder a novo crescimento tumoral. 
..
RESSONÂNCIA  MAGNÉTICA, 3/2/1999
..
Repete o já observado nas tomografias. O osso espessado e infiltrado pelo tumor tem hiposinal em T1 e T2, devido à pequena quantidade de água  e grande densidade do tecido rico em calcio.  Contudo, com contraste, o osso infiltrado impregna-se, demonstrando a presença do tumor, onde os capilares deixam passar o contraste paramagnético para o interstício. 
..
CORTES  AXIAIS 
T1 SEM CONTRASTE T1 COM CONTRASTE T2
..
DETALHES, 
T1 SEM CONTRASTE, 
comparar as faces laterais das órbitas direita e esquerda. 
..
COMPARAÇÃO de imagens axiais em T1 sem e com contraste. No sem contraste, o tumor aparece com forte hiposinal devido à intensa esclerose óssea induzida pela infiltração neoplásica.  Com contraste, porém, há nítida impregnação.  Notar a  deformidade da órbita E, já demonstrada nas TCs, e a redução da fossa média com compressão do lobo temporal E.  Notar também impregnação da dura-máter da fossa média adjacente ao tumor. 
T1 T1 C
..
..
CORTES  CORONAIS, T1 COM CONTRASTE
....
CORTES  SAGITAIS
Lado D (normal), T1 . Lado E (tumor), T1 Lado E (tumor), T1 C
.
.
.
.
.
..
Lado D (normal), T1 Lado E (tumor), T1
Relações entre a cavidade orbitária e a fossa média contendo o lobo temporal no lado D normal e no lado E contendo o grande nódulo tumoral hiperostótico. Há rechaçamento do polo temporal para trás e sinuosidade do vale silviano. 
..
Lado E (tumor), T1 Idem, T1 COM CONTRASTE
Impregnação pelo contraste paramagnético destaca o osso infiltrado e grandemente espessado pelo meningioma e um nódulo menor que faz saliência na fossa média. Há impregnação da dura-máter adjacente ao tumor, constituindo a chamada 'cauda dural', uma feição típica, mas não patognomônica dos meningiomas. 
..
..
Mais sobre meningiomas:  Textos  didáticos ilustrados :
Texto básico
Imagem
Macro
Micro
Imunohistoquímica
Microscopia eletrônica
Meningiomas grau I
Meningiomas graus II e III
..
Banco de imagens  Neuroimagem: meningiomas por topografia Neuroimagem :  casos Neuropatologia :  casos
Meningiomas mais raros: microcístico
(1) (2)
angiomatoso
(1) (2) (3)
secretor
(1) (2) (3)
rico em linfócitos
e plasmócitos
com metaplasia adiposa 
(1) (2) (3)
xantomatoso
(1) (2)
atípico
(1) (2)
com infiltração 
cerebral (1) (2)
cordóide
(1) (2)
células claras
(1) (2)
rabdóide papilífero
Meningiomas, microscopia eletrônica: meningotelial, transicional secretor
(1) (2) (3)
células claras 
(1) (2)
metaplásico - lipidizado xantomatoso, angiomatoso xantomatoso, angiomatoso, microcístico rabdóide
..
Neuropatologia
- Graduação
Neuropatologia - 
Estudos de casos
Neuroimagem
- Graduação
Neuroimagem - 
Estudos de Casos
Roteiro 
de aulas
Textos 
de apoio
Correlação 
Neuropatologia - Neuroimagem
Índice alfabético - Neuro Adições recentes Banco de imagens - Neuro Textos ilustrados Neuromuscular Patologia - outros aparelhos Pages in English
..
..