Astrocitoma  pilomixóide.  1a. amostra,  2018. 
1.  HE,  tricrômico de Masson.
..
Masc. 2 a 10 m.  Caso de outro serviço, de onde provêm os materiais referentes a duas biópsias. A primeira, de 2018, é estudada nesta página e na seguinte; a recidiva em 2020 nas outras duas (3)(4). 
...
Masc. 2 a 10 m.  Clique para RM, Primeira biópsia 2018 (HE, tricrômico de Masson, IH - GFAP, VIM, CD34, Ki67).  Segunda biópsia 2020 (HE, tricrômico de Masson, IH - GFAP, VIM, CD34, Ki67). Texto
..
Destaques  da  microscopia. 
HE.  Áreas mixóides, com células de padrão protoplasmático em matriz amorfa basófila Áreas pilocíticas.  Áreas lembrando oligodendrócitos
Infiltração sutil do tecido nervoso limítrofe Masson. Áreas mixóides.  Masson. Áreas pilocíticas. 
Masson.    Vasos Masson. Infiltração do tecido nervoso GFAP.   Positivo nas células neoplásicas, salienta maior concentração destas em torno de vasos. 
VIM.  Positivo nas células neoplásicas. CD34.  Vascularização escassa: capilares finos, às vezes agrupados.  Ki-67. Positividade em cerca de 1-2% dos núcleos das células neoplásicas.
Destaques  da  microscopia  (recidiva)Texto
..
..
Aspecto geral do tumor.    Neoplasia glial astrocitária de baixo grau histológico, que recorda feições dos astrocitomas pilocíticos. Áreas com textura frouxa predominam, com material amorfo mixóide levemente basófilo, permeado por células pequenas com prolongamentos curtos, formando um reticulado.  Em outras áreas, intercalam-se células de longos prolongamentos fibrilares em paralelo, contudo, sem fibras de Rosenthal ou corpos hialinos, como habitual nos astrocitomas pilocíticos.  Os núcleos têm cromatina frouxa, sem atipias significativas.  Os vasos são finos e bem distribuídos. Ausência de mitoses ou necrose.  Em um pequeno fragmento, observa-se infiltração em dégradé do tecido nervoso limítrofe.  Ver tb no Masson
..
Áreas mixóides / protoplasmáticas. 
..
Áreas pilocíticas.    Aqui predominam células alongadas sem formar feixes compactos e sem fibras de Rosenthal. 
..
Áreas com  células  claras  lembrando oligodendrócitos.    Uma feição também observada em alguns astrocitomas pilocíticos
..
Infiltração  do  tecido  nervoso  limítrofe.    Neste pequeno fragmento observa-se infiltração do tecido nervoso, através de maior celularidade das áreas à esquerda, onde há tumor, que à direita, fazendo transição para tecido nervoso normal (da região hipotalâmica).  Mostra a delimitação imprecisa da neoplasia, a exemplo dos gliomas em geral. 
..
..
COLORAÇÕES  ESPECIAIS
..
Tricrômico de Masson.    Dá destaque ao material intersticial basófilo, que aparece mais azulado. Há muito poucas fibras colágenas no tumor, que se coram em azul forte, mais encontradas nas áreas pilocíticas e em vasos. As células neoplásicas coram-se em vermelho. 
..
Áreas mixóides / protoplasmáticas. 
..
Áreas pilocíticas. 
..
Vasos. 
..
Infiltração  do  tecido  nervoso  limítrofe.    Como notado em HE, há aumento sutil de celularidade da direita (tecido normal) em direção à esquerda (tumor). 
......
Agradecimentos.    Caso do Centro Infantil Boldrini, Campinas, SP.   Preparações histopatológicas e imunohistoquímicas pelos técnicos do Laboratório de Patologia daquele hospital  - Srs. Aparecido Paulo de Moraes e Irineu Mantovanelli Neto. 
.....
Para mais imagens deste caso e texto
RM 1a. amostra, 2018,  HE, Masson 1a. amostra IH  2a. amostra. 2020, HE, Masson 2a. amostra IH
........
Sobre astrocitomas pilomixóides  : casos de neuroimagemcasos de neuropatologia,  textos (1) (2)
..
Sobre astrocitomas pilocíticos: 
..
Na graduação Texto ilustrado Casos, neuroimagem Casos, neuropatologia Características de imagem Glioma de nervo óptico Microscopia eletrônica (1) (2)
..
Neuropatologia
- Graduação
Neuropatologia -
Estudos de casos
Neuroimagem
- Graduação
Neuroimagem - 
Estudos de Casos
Roteiro 
de aulas
Textos 
de apoio
Correlação 
Neuropatologia - Neuroimagem
Índice alfabético - Neuro Adições recentes Banco de imagens - Neuro Textos ilustrados Neuromuscular Patologia - outros aparelhos Pages in English
..
VOLTA À PÁGINA ÍNDICE
..