Macroadenoma de hipófise. 
Involução parcial após tratamento clínico
..
Masc.  33 a.  Atendido em 21/11/01 com história de diminuição da acuidade visual no OE há 4 meses. Há 2 meses, cefaléia holocraniana. Acuidade OD 1,0,  OE 0,5. Foi levantada hipótese de glaucoma juvenil e tratado com Timolol. Em 12/12/02, exame de campo visual revelou hemianopsia bitemporal. 
TC de crânio em 29/5/03 e RM em 2/6/03  demonstraram grande lesão expansiva de região selar e supraselar, captante, com extensão aos seios paranasais.  Paciente apresentava caracteres sexuais secundários normais, sem alterações de pilificação. 
Exames laboratoriais: Prolactina sérica - 4700 ng/ml (normal 4,1-18,4).  TSH, GH normais. T4 (tiroxina livre) 0,72 ng/dl (normal 0,9-1,8); ACTH < 10 mg/dl (normal até 46);  cortisol < 1 mg/dl (normal 5-25 matutino, 2,5-12,5 vespertino), testosterona 1,57 ng/ml (normal 2,86-15.1).  Diagnóstico macroprolactinoma, com prejuízo da função hipofisária e hipotiroidismo secundário. 
Tratado com bromocriptina (Parlodel). Nova RM em 17/7/03 mostrou grande redução de volume do tumor, especialmente da porção supraselar. Alta em 22/7/03.  Prolactina baixou para 470 ng/ml nesta ocasião e para 279 em 1/9/03.  Testosterona 2,88, Tiroxina livre 1,57 (em 22/7/03).

 
TOMOGRAFIA  COMPUTADORIZADA, 29/5/03
..
Grande lesão expansiva de região selar e supraselar, captante, com destruição do assoalho da sela túrcica e extensão aos seios paranasais. Halo calcificado na periferia do tumor. 
..
Sem contraste  Com contraste 
..
..
Coronal,  com contraste 
..
..
 
RESSONÂNCIA  MAGNÉTICA, 2/6/03
..
Lesão expansiva bilobulada, selar e supraselar,  4,5 cm no maior diâmetro, com isosinal em T1 e T2, discretamente heterogênea, região superior mais hidratada. Apresenta captação homogênea de contraste, exceto nas áreas mais hidratadas. Destrói o assoalho selar, preenchendo o seio esfenoidal. Invade o seio cavernoso D, sem comprimir a luz carotídea.  Eleva o quiasma óptico e o complexo Aa. cerebrais anteriores / A. comunicante anterior. Há um componente do tumor que se estende à cisterna perimesencefálica à D.  Cisto aracnóideo no polo temporal D (achado de exame).
..
CORTES CORONAIS, T1 COM CONTRASTE
..
T1 SEM CONTRASTE T1 COM CONTRASTE T2
..
CORTES SAGITAIS, T1 COM CONTRASTE
..
CORTES AXIAIS, T1 COM CONTRASTE
..
 
RESSONÂNCIA  MAGNÉTICA, 17/7/03,
após tratamento com bromocriptina
..
Grande redução do tumor, principalmente de sua porção supraselar, em relação ao exame anterior. 
..
CORTES CORONAIS, T1 COM CONTRASTE
..
CORTES SAGITAIS, T1 COM CONTRASTE
..
..
CORTES AXIAIS, T1 COM CONTRASTE
..
..
 
EVOLUÇÃO  EM  45  DIAS 
..
T1 COM CONTRASTE NOS TRÊS PLANOS
2/6/03 17/7/03
CORONAL
SAGITAL
AXIAL
....
Mais sobre adenomas da hipófise
Peça GE-20 Peça GE-32 Lâmina A.238 Banco de Imagens Neuropatologia Neuroimagem Características de imagem
..
Textos de apoio:  Hipófise normal Adenomas Adenoma de hipófise ectópico Oncocitomas Prolactina e seu controle hipotalâmico
.....
Casos de adenoma de hipófise invasivo imagem  (1) (2) (3) patologia  (1) (2) (3)
....
Caso de carcinoma da hipófise com metástases hepáticas (1968) Peça GE-17 Banco de imagens Carcinoma da hipófise com metástases pulmonares:
imagempatologia
Sobre carcinomas da hipófise
..
Neuropatologia
- Graduação
Neuropatologia - 
Estudos de casos
Neuroimagem
- Graduação
Neuroimagem - 
Estudos de Casos
Roteiro 
de aulas
Textos 
de apoio
Correlação 
Neuropatologia - Neuroimagem
Índice alfabético - Neuro Adições recentes Banco de imagens - Neuro Textos ilustrados Neuromuscular Patologia - outros aparelhos Pages in English
..
..