Meningioma maligno
Masc.  74 a. 
16/02/2004 Internado com queixa de cefaléia holocraniana há 1 ano, queda do estado geral, sonolência, apatia progressiva, crises convulsivas tônico-clônicas generalizadas e dificuldade de movimentação de hemicorpo E.
Ao exame: Sonolento, pupilas isocóricas, fotorreagentes.  Hemiparesia E (força muscular grau II). 
16/03/2004: Craniotomia frontal D com ressecção macroscópica total da lesão.
30/03/2004: Alta hospitalar para acompanhamento ambulatorial. 

 
TOMOGRAFIA  COMPUTADORIZADA
Lesão frontal D volumosa, aparentemente aderida ao crânio, bem delimitada, com áreas hipodensas na região central sugestivas de necrose. A porção periférica é captante de contraste. A lesão causa efeito de massa, desvio das estruturas da linha média, hidrocefalia contralateral (por compressão do foramen de Monro) e edema da substância branca adjacente. 
Sem contraste 
Com contraste 

 
Para HE e imunohistoquímica deste caso, clique »
Características de imagem dos meningiomas Neuropatologia dos meningiomas
Neuropatologia
- Graduação
Neuropatologia - 
Casos Complementares
Neuroimagem
- Graduação
Neuroimagem - 
Casos Complementares
Correlação 
Neuropatologia - Neuroimagem
VOLTA À PÁGINA ÍNDICE