Toxoplasmose  cerebral (biópsia)
Masc.  35 a. 
Atendido em janeiro de 2005 com hemiparesia E bráquio-crural há 1 semana, antecedida por cefaléia. Paciente HIV positivo. 
Ao exame: Glasgow 15, pupilas isofotorreativas, paresia central do VIIº nervo E. Ausência de sinais meníngeos. 
TC -  múltiplas lesões anulares com cerca de 1 cm. de diâmetro, captantes, disseminadas pela substância branca e substância cinzenta. 
Cirurgia  ressecção total de uma lesão cortical avermelhada, limites bem definidos em relação ao parênquima adjacente, em localização frontal D. 

 
TOMOGRAFIA  COMPUTADORIZADA
As lesões mais evidentes encontram-se nos núcleos da base D e lobo frontal D (córtex e substância branca adjacente), ambas com edema perilesional e captação de contraste. Há impregnação da leptomeninge vizinha à segunda lesão. 
Sem contraste  Com contraste 

 
Caso do Serviço de Neurocirurgia da Santa Casa de Limeira (Chefe Prof. Antonio Augusto Roth-Vargas), gentilmente contribuído pelos Drs. Marcelo Senna Xavier de Lima, Paulo Roland Kaleff e Hoyama da Costa Pereira. Imagens tomográficas por obséquio dos Drs. Caio Sauer e Lúcio Schoenmann do Nascimento, Centro Diagnóstico por Imagem (CDI), Limeira, SP. 

 
Para histologia deste caso, clique  »
Neuropatologia
- Graduação
Neuropatologia - 
Casos Complementares
Neuroimagem
- Graduação
Neuroimagem - 
Casos Complementares
Correlação 
Neuropatologia - Neuroimagem
VOLTA À PÁGINA ÍNDICE