Medula espinal normal
..
MENINGES, VASOS  E  RAÍZES DA
MEDULA ESPINAL NORMAL 

Veja nesta página: 
leptomeninges, ligamento denticulado - HE 
raízes - HE, reticulina
vasos - tricrômico de Masson, Weigert-van Gieson, Verhoeff, hematoxilina fosfotúngstica
pequenos vasos intramedulares - HE, reticulina

..

 
HE
..
Leptomeninges e raízes. A aracnóide reveste a medula por fora, englobando as raízes e vasos. É uma fina membrana de tecido fibroso colágeno, revestida na face externa por células achatadas como epitélio, os chamados fibroblastos aracnóideos.  A pia-máter, também uma fina camada de tecido fibroso, está acolada à superfície medular, e acompanha todos seus acidentes, como o sulco mediano anterior.  Entre as duas leptomeninges (aracnóide e pia-máter) está o espaço subaracnóideo, preenchido por líquor, e que contém as raízes e vasos. 
Obs.  a dura-máter não está incluída nestes preparados. 
..
Meninges e sulco mediano anterior.  O sulco mediano anterior é penetrado por uma  dobra da pia-máter.  A A. espinal anterior corre na linha média na superfície anterior da medula. Para mais sobre vasos, veja tricrômico de Masson, Weigert-van Gieson, Verhoeff e hematoxilina fosfotúngstica de Mallory. O canal central, no presente exemplo, está patente e revestido por epêndima. Contudo, freqüentemente, encontra-se obliterado, seu lugar marcado por um grupo de células ependimárias, sem luz. 
..
Ligamento  denticulado. São dois prolongamentos da pia-máter, saindo das bordas laterais da medula, que atravessam a aracnóide e se inserem na dura de espaço em espaço, bilateral e simetricamente.  Colaboram para a fixação da medula. 

O ligamento denticulado (ligamentum denticulum) é uma fita estreita e fibrosa em cada lado da medula, situada entre as raízes dorsais e ventrais. O bordo medial é contínuo com a pia-máter da medula. O bordo lateral apresenta uma série de prolongamentos triangulares cujas extremidades estão fixadas a intervalos regulares na face interna da dura-máter espinal. Há 21 processos de cada lado, o primeiro ao nível da raiz C1, onde a artéria vertebral perfura a dura para entrar no crânio. O último fica entre a saída dos nervos espinais T12 e L1 (já ao nível do cone medular). (Extraído de Gray's Anatomy, 36th Ed. Williams PL, Warwick R (eds). Churchill Livingstone, London, 1980).

..
RAÍZES. São constituídas por feixes de axônios que chegam ou saem da medula (respectivamente raízes posteriores e anteriores), estando situadas entre a aracnóide e a pia, portanto, no espaço subaracnóideo.  As raízes diferem dos nervos periféricos por que seus fascículos não são delimitados por perinêurio. Este é formado por camadas de células pavimentosas que envolvem cada fascículo e constituem uma barreira separando o endonêurio do meio ambiente externo. O perinêurio aparece depois que as raízes cruzam a aracnóide e as células perineuriais são estruturalmente análogas às da aracnóide.  Para mais sobre nervos, clique.
Nas raízes há axônios mielínicos e amielínicos (estes só visíveis por técnicas especiais ou microscopia eletrônica). Os axônios estão envolvidos por células de Schwann, e separados por uma fina trama de fibras reticulínicas (ver abaixo em reticulina). 
..
RAÍZES NORMAIS NA RETICULINA. Uma fina trama de fibras reticulínicas, aqui demonstradas na impregnação pela prata (método de Gomori), circunda individualmente cada célula de Schwann, que envolve os axônios mielínicos e amielínicos. Os vasos também são delimitados por fibras reticulínicas. Para detalhes técnicos consultar a página de Histologia, neste site.
Em  corte  longitudinal. 

 
VASOS NORMAIS  DA MEDULA ESPINAL 
EM  COLORAÇÕES  ESPECIAIS
..
Tricrômico de Masson. Mostra a camada média das artérias (que é musculatura lisa) em vermelho e a adventícia (que é tecido fibroso colágeno) em azul.  Nas veias a camada média é fina, com poucas fibras musculares. A ilustrada abaixo é constituída praticamente só por adventícia, formada por delicadas fibras colágenas onduladas e paralelas. Para detalhes técnicos consultar a página de Histologia, neste site.
..
Weigert - van Gieson. Esta  técnica cora fibras elásticas em negro (pela fucsina básica/resorcina, corante de Weigert), e as colágenas em vermelho (pela fucsina ácida, corante de van Gieson).  O tecido de fundo, independente do tipo,  fica corado em amarelo pelo ácido pícrico, que serve de corante de fundo. Os núcleos são corados pela hematoxilina férrica de Weigert. Para detalhes técnicos consultar a página de Histologia, neste site.
A A. espinal anterior, aqui usada como exemplo, é uma artéria típica do sistema nervoso central. Mostra uma nítida membrana limitante elástica interna, que aparece como uma linha sinuosa escura, mas não tem elástica externa (ao contrário das artérias extra SNC). Sua camada média, que se cora em amarelo, tem espessura menor que a de artérias de calibre correspondente de outras regiões. A adventícia, constituída por fibras colágenas, cora-se em vermelho. 
Mesma artéria em outro nível. 
..
WvG, pequenas artérias. Aspecto semelhante. Quando não se distingue mais a elástica interna passa a arteríola. 
..
Verhoeff.  Outra técnica para colágeno e elástico, com resultados análogos aos do WvG.  Abaixo, aspectos da A. espinal anterior. 
..
Verhoeff, pequenas artérias.
Pequena veia
..
PTAH - Vasos. A hematoxilina fosfotúngstica de Mallory é outra técnica que permite destacar os tecidos da parede vascular. O colágeno e o elástico se coram em vermelho tijolo, outros elementos em vários tons de azul. Para detalhes técnicos consultar a página de Histologia, neste site.
Artérias. 
Veias. 
..
Vasos intramedulares normais, HE. Os vasos normais na medula (e em outras áreas do tecido nervoso central) são muito delicados, e a maioria mal são perceptíveis. Abaixo, algumas pequenas artérias na substância branca da medula espinal. 
..
Vasos intramedulares normais, Reticulina. Fibras reticulínicas finas delimitam as arteríolas intramedulares. Capilares não aparecem (pois são limitados só por membrana basal, sem fibras reticulínicas em torno). 
..
Colorações especiais realizadas pela técnica Priscila Duarte, 
Depto de Anatomia Patológica, FCM-UNICAMP, com nossos agradecimentos. 
..
Módulo Neuro - Página Inicial Outros módulos e-mails  :  gradanat@fcm.unicamp.br___gradanat@unicamp.br
Peças - Lista
Lâminas - Lista
Índice  Alfabético  Geral
Banco de Imagens  -  Neuro
Peças - Miniaturas
Lâminas - Miniaturas
Índice Alfabético - Neuro
Textos de apoio
Roteiro  de  Aulas
Neuroimagem - Graduação
Neuromuscular
Pages in English
Neuropatologia - 
Casos Complementares
Neuroimagem - 
Casos Complementares
Correlação 
Neuropatologia - Neuroimagem
Adições recentes
..