Página Inicial
Contato

 Busca

+ Palavras Chave:
   
  colo uterino
  corpo uterino
  endométrio
  ovário
 

 Links

 
 


 
 



 

      Os casos clínicos contidos neste site são fruto das reuniões semanais da Prof. Dra. Liliana De Angelo Andrade com os residentes do Departamento de Anatomia Patológica. O objetivo do site é difundir o conhecimento sobre o assunto ajudando estudantes, residentes e profissionais a manterem-se constantemente atualizados.

 

Caso 4 - Paciente de 38 anos, com sangramento irregular. Curetagem.


Figura 1




Figura 2




Figura 3




Figura 4




Figura 5



Endométrio de padrão gestacional, com fenômeno de Arias-Stella. Não foram observadas vilosidades coriais na amostra. Sugere-se investigar a possibilidade de gravidez ectópica.

O endométrio gestacional apresenta padrão hipersecretório, com extensa vacuolização citoplasmática, distensão das glândulas, edema e decidualização estromal. Núcleos claros, vacuolados (Figura 5) também são comuns no endométrio gravídico.O fenômeno ou reação de Arias-Stella é constituído por núcleos grandes, hipercromáticos que fazem saliência na luz glandular, podendo ocorrer apenas focalmente na mucosa endometrial. Mitoses são raras. Esta alteração é uma resposta fisiológica à presença do tecido corial tanto no útero como em gestação ectópica. Esta reação é muito típica da gestação ou da doença trofoblástica gestacional e pode ser observada raramente após a administração de hormônio progestacional exógeno.
Contador de visitantes:
website stats
Departamento de Anatomia Patológica
Faculdade de Ciências Médicas
images/logos/